Histórias-Espetáculo

Porque as palavras são mais do que as letras que as compõe, são emoções, sensações, são sons quase impercetíveis, são ruídos desmedidos, são silêncios apenas, gestos, risos siderais. Contamos histórias como quem as vive, porque, para nós, não há diferenças.

O Som do Algodão é um projeto de música e narração oral que trabalha as histórias, a experimentação sonora, as sensações e a memória afetiva. Intervimos com o corpo, porque as palavras completam-se na pele e nos gestos. Usamos o som porque a palavra é sonora, a narrativa   partitura. Objetos e formas animadas, livros que servem para comer q.b., guitarras acústicas, o calor da voz, os gestos que dançam, o beat eletrónico. Tudo, sem meias medidas. Porque cada história é uma viagem. Cantar palavras é uma escolha. A nossa. Performativa, interventiva, musical, exploratória, ativa e afetiva. Livros, poemas, urros e contos da tradição oral. Trabalhamos as obras literárias recomendadas pelo Plano Nacional de Leitura até criações próprias a partir de enredos originais e produções adaptadas às necessidades das entidades que nos procuram.

Trilogia para Famílias | Cumulus

CUMULUS é esse lugar onde habita o silêncio. Um novo vocabulário para o sonho. Cumulus, essa nuvem que se desenha no palco, é ar, cor, terra e a promessa do regresso. Ao tempo. A esse país estrangeiro. À casa. Uma experiência sensorial e performativa para viver em família. Um espetáculo para todas as idades em que te convidamos a conhecer uma nova língua. O sonho. 

Público | ≥ 3 anos
Duração | 40’ 

Vídeo

A Fada Oriana na Floresta da Menina do Mar

Partindo das personagens do universo de Sophia de Mello Breyner Andresen, deixamos a porta entreaberta ao encontro entre todas as histórias. Um enredo original marcado pela magia e pelo ambiente sonoro único. Esta é uma homenagem à autora que marca tantas infâncias. Esta é a nossa infância vivida através dos livros da Sophia. 

Público | ≥ 3 anos
Duração | 45’ 

A Ovelhinha que veio para jantar

Era uma vez um lobo e uma ovelhinha. Confusos? A ideia é mesmo essa! A partir do livro homónimo, de Steve Smallman, um espetáculo que brinca com os imprevistos, que usa objetos que falam pela própria boca, treina em coro e coloca a ovelhinha na “boca” do lobo! 

Público | ≥ 3 anos
Duração | 40’ 

Cabaz de Histórias do Arco da Velha

São enredos das criaturas que habitam o imaginário da noite. São manos papões, feiticeiras e feitiços, medos e tantas surpresas. São histórias resgatadas do repertório tradicional e personagens que nos fazem recuar ao tempo dos nossos avós e das lendas contadas à volta da lareira. 

Público | ≥ 3 anos
Duração | 45’ 

Vídeo

Cantigas pequeninas fadas verdes e versos para embalar o mar

Cantigas Pequeninas, Fadas Verdes e Versos para Embalar o Mar reúne textos e poemas de Matilde Rosa Araújo. Uma manta de retalhos preenchida de sonhos e poesia que resulta numa performance poética encantada, onde as palavras e os sons tecem uma teia de cumplicidade com o público. 

Público | ≥ 3 anos
Duração | 45’ 

Vídeo

Circontando

A vida é um circo! E as histórias também! Uma sessão de histórias que junta o fantástico, o irreal, lobos que falam espanhol, papões na noite à solta e meninas que perdem a cabeça na hora do recreio e que sobem montanhas sem qualquer receio. Senhoras e senhores, meninos e meninas, bem-vindos ao CircOntando, um circo onde se conta aquilo que nunca se ouviu, onde se servem histórias com risos desmedidos! 

Público | ≥ 3 anos
Duração | 45’ 

Vídeo

Contos baralhados para ouvidos desafinados

Baralha, parte e distribui. Afinal as histórias são um jogo recheado de trunfos, triunfos e derrotas. Nesta sessão baralhamos contos para ouvidos desafinados e olhos esfomeados. Uma menina descabeçada numa viagem sem fim, micro contos desvairados e histórias de desencontros. E no fim da partida voltamos a baralhar, porque o jogo só agora está a começar. 

Público | ≥ 3 anos
Duração | 40’ 

Entre bruxas e feitiços, pé de cabra e ouriços

Histórias de arrepiar para gente que sabe brincar. Música, gestos endiabrados, gatos pretos e feitiços mais ou menos desgovernados. Uma viagem irrecusável pelo universo da coleção da “Bruxa Mimi”. 

Público | ≥ 3 anos
Duração | 45’ 

Herbário

Esta é uma viagem sensorial e sonora pela floresta. A partir do livro “Presos”, de Oliver Jeffers, e do “Herbário”, de Jorge Sousa Braga, Prémio Gulbenkian da Literatura Infantil, desenha-se uma encruzilhada de histórias e poemas que nos convida a regressar à terra, às origens, a buscar o sentido nas pequenas coisas. E tu, vens de mão dada connosco? 

Público | ≥ 3 anos
Duração | 45’ 

Histórias à solta numa cidade revolta

Este conto original centra-se nas lendas do Porto, envolvendo o público nos sons e nos pregões que caracterizam a cidade. Quando o rio encontra o mar, há histórias que se soltam, numa homenagem à nossa cidade-abrigo. 

Público | ≥ 3 anos
Duração | 30’ 

Histórias à volta da candeia

Uma viagem aos contos e às poesias que contam a história da obra de Guerra Junqueiro. O Som do Algodão resgata os poemas que Guerra Junqueiro escreveu para as suas filhas reunidos na obra “Poesias Dispersas” e envolve-os com uma seleção dos “Contos para a Infância” recolhidos pelo autor. 

Público | ≥ 3 anos
Duração | 35’ 

Histórias de animais que são demais!

Esta é uma sessão de histórias com música lá dentro recheada de aventuras que reúne contos tradicionais portugueses como os Manos Papões e João e os Camaradas. Quando as histórias nos levam a passear, devagarinho, pela mão tudo pode acontecer! Este espetáculo performativo e musical junta palavra, música e sons para envolver todos. 

Público | ≥ 3 anos
Duração | 45’ 

Histórias com música lá dentro

Estas são histórias para cantar. Desafinados, de preferência, se faz favor! Contos sem tempo, poemas com hora marcada e micro contos que desafiam todas as conveniências. Objetos que ganham vida, músicas que despertam o ritmo dos escutadores, olhos que falam. 

Público | ≥ 3 anos
Duração | 45’ 

Vídeo

Uma história de Natal no centro da Terra

Este é um itinerário sonoro focado na incrível viagem pelo fascinante mundo do desconhecido que habita no interior da terra. Música e narração oral encontra-se para criar um clima de suspense e aventura que promete conquistar miúdos e graúdos. Música, palavra e sensações numa história que celebra o Natal num cenário inesperado e surpreendente. 

Público | ≥ 3 anos
Duração | 45’ 

Zplim!! Dia e noite rumo ao polo norte!

O conto original do coletivo O Som do Algodão conta a história de duas irmãs, Dia e Noite, que iniciam uma viagem à volta do mundo rumo ao Polo Norte. Música e narração oral lado a lado, através de uma viagem pelas músicas e sons dos locais mais remotos do mundo. 

Público | ≥ 3 anos
Duração | 45’ 

Vídeo

A Bruxa Arreganhadentes

A partir do livro “A Bruxa Arreganhadentes”, de Tina Meroto, esta é uma viagem rumo ao desconhecido. Experimentação sonora, as aventuras de três irmãos no bosque escuro e assustador. Cada etapa é uma espécie de ritual tecido pelo próprio corpo. Tudo pode acontecer. Neste espetáculo usamos (e abusamos, diga-se) de um tema praticamente universal. O medo do desconhecido, as lendas acerca das bruxas e o poder encantatório da noite. 

Venham, venham!! 

Público | ≥ 4 anos
Duração | 40’ 

Pela ponta do nariz

Um espetáculo que homenageia a obra de Luísa Ducla Soares e que junta a bicharada, lengalengas ao desafio e poemas gulosos para encher a barriga. Para famílias, em família. Uma festa em que as palavras se juntam todas à mesa. 

Público | ≥ 4 anos
Duração | 40’

Vídeo

Máquina de embrulhar poemas

E se uma máquina embrulhasse poemas, versos, cantigas e lengalengas? E se das máquinas brotassem poesia, gritos, canções? Nesta sessão, cada poema é uma paragem, é uma história e uma viagem, um enredo onde se embrulham poemas e coisas que rebentam da terra, que saltam das nuvens e dos locais mais inesperados. Afinal, a poesia é isso mesmo, a beleza desenfreada do inesperado. 

Público | ≥ 6 anos
Duração | 40’

Contos populares, cantigas aos pares

Quem canta ao desafio, também conta histórias de bruxas, amores desentendidos e de heróis mal compreendidos. De gente com manhas de bicho e de bichos de quem a gente foge. Esta sessão de histórias e músicas resgata os enredos populares e o cancioneiro tradicional para homenagear os contos que povoam o nosso imaginário coletivo. 

Público | ≥ 16 anos
Duração | 45’